Silvana Oliveira, mãe da cantora Ludmilla, esclarece confusão em boate no Rio de Janeiro
30/01/2024

PUBLICIDADE

Na tarde desta segunda-feira, 11 de dezembro, Silvana Oliveira, mãe da cantora Ludmilla, se explicou após a confusão em que se envolveu com o marido, Renato Araújo, em uma boate na Ilha da Gigoia, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, na noite de domingo, 10. A Youtuber do ramo de culinária declarou que um dos seguranças ressaltou o parentesco dela com a dona do 'Numanice' antes de começar os xingamentos contra ela. A briga teria começado na fila do banheiro. O marido da mãe da artista teria se deparado com um homem que recebia dinheiro para permitir que pessoas furassem a regra do local. Ele ficou incomodado com a situação e expôs sua revolta. Porém, o clima teria pesado quando o rapaz teria disparado que Renato havia urinado no chão, resultando na intervenção dos seguranças, que tentaram tirá-lo do local.

PUBLICIDADE

Silvana, que estava em um camarote, foi procurada e informada da situação, até que dirigiu-se ao local onde estava o marido. Surpresa com a situação, a famosa relatou: "Eu até achei estranho, pois Renato é super paz e amor, todo mundo que conhece Renato sabe que não é de briga e confusão. Eu fui lá pra fora.", disse ela, em entrevista exclusiva ao portal Leo Dias, nesta segunda.

O casal tentou sair da casa noturna, mas se deparou com a resistência por parte dos seguranças. Portanto, a mãe de Ludmilla alega que foram impedidos de sair até a chegada das autoridades: "Chegando lá fora, eles não quiseram deixar a gente passar do portão, trancaram o portão dizendo que a gente era obrigado a esperar a viatura chegar para ir à delegacia”, declarou a youtuber e influenciadora digital.

PUBLICIDADE

O clima ficou mais complicado quando um dos seguranças disparou ofensas direcionadas a Silvana por sua relação familiar com Ludmilla. A influenciadora relatou as falas do rapaz: "O segurança veio, me xingou, mandou tomar no cu, se fuder porque sou mãe de Ludmilla, foda-se. Só causou o que foi porque é parente de Ludmilla”. Em seguida, a matriarca da cantora renomada da música atual lamentou a tentativa de envolver a imagem da esposa de Brunna Gonçalves na confusão: "Se fosse anônima, não ia dar em nada, mas como é parente de Ludmila querem colocar o nome da garota, envolver o nome da menina”, expressou Silvana, que completou relatando outro momento de tensão da confusão quando um dos seguranças afirmou que Renato trabalhava para a cantora: "O cara ficou gritando lá fora que ele mesmo [Renato] era segurança da Ludmilla. A quanto tempo Renato não é mais segurança da Ludmilla”, negou ela.

PUBLICIDADE

Sendo assim, Silvana saiu em defesa de seu marido e se envolveu na briga: "Quando ele me xingou, mandou tomar no cu, Renato foi pra cima dele, uma coisa óbvia porque ele é meu marido, um sujeito homem não vai permitir que xingue a mulher. Quando ele foi pra cima vieram mais de 10 seguranças pra cima do Renato. Meu vestido parou na cabeça porque obviamente me meti, caí pra dentro da porrada também porque eu não ia deixar”, explicou a sogra da ex-BBB Brunna Gonçalves.

No final, Silvana opinou sobre qual é a intenção das pessoas que querem envolver o nome da artista em confusões desse tipo: "Aqui cada um tem seu CPF, eu tenho meu CPF, Renato tem o dele, cada um tem seu CPF, cada um tem que responder por suas responsabilidades, mas querem sempre envolver o nome da menina, querem mídia”, finalizou a mãe de Ludmilla.

PUBLICIDADE

AD
Artigo