Equipe de Ana Hickmann se manifesta após pedido de prisão feito por ex
11/01/2024

PUBLICIDADE

A equipe de Ana Hickmann se manifestou em relação ao pedido de prisão feito por Alexandre Correa, ex-marido da apresentadora. O empresário acusou Ana de alienação parental ao afirmar que ela não permitia que o filho, Alezinho, passasse tempo com ele.

Em uma nota enviada ao iG Gente, a assessoria de Hickmann esclareceu que a apresentadora cumpre rigorosamente o acordo de visitas da criança com o pai. O comunicado ainda explica as datas que foram estabelecidas para a visitação de Alexandre, que também é acusado de agressão contra Ana.

"De acordo com a decisão judicial, o período de férias de Alexandre Hickmann Correa com o pai seria entre os dias 3 e 10 de janeiro, caso nenhum outro compromisso fosse previamente agendado. No entanto, considerando que as férias de Ana Hickmann já estavam programadas para os dias 3 a 7 de janeiro, os advogados das duas partes entraram em acordo no dia 22/12, por telefone, para transferir o período de visitação para os dias 9 a 17 de janeiro", afirma o texto.

PUBLICIDADE

A nota também informa que a determinação será cumprida conforme alinhado entre as partes. "As datas de visitação estão sendo cumpridas rigorosamente, sendo que a primeira visita ocorreu no dia 11/12, a segunda no dia 18/12, a terceira no dia 26/12 e a quarta no dia 03/01", conclui o pronunciamento.

Ao solicitar a prisão de Ana Hickmann, Alexandre Correa alegou que ela se recusou a entregar Alezinho para os avós paternos, para que a criança pudesse estar com o pai durante o período de férias. O empresário afirmou que a ex-mulher permitiu apenas um rápido encontro com o filho para um lanche no final da tarde, alegando que iria à praia com amigos e levaria a criança consigo.

PUBLICIDADE

AD
Artigo